SCMC 5 :: Maré Cheia indica ótimo caminho para o evento

A Maré Cheia é uma private label que produz para um monte de marcas que você usa. Então, o trabalho autoral não é o forte da marca. Talvez isso explique o entusiasmo de Jaison Pogo com o processo. Ele usava uma camiseta “Eu permiti tudo isso”, mas sem uma atitude de big boss, e sim de felicidade de ver finalmente algo com a sua marca e não com a etiqueta de outro.

A coleção desenvolvida pelos alunos da Uniasselvi mais do que um exercício estético foi um aprofundamento das possibilidades do uso da malha: recortada, queimada e até esticada até formar um fio para ser usada no tricô. Isso é um caminho inteligente e um exemplo para as outras equipes participantes do SCMC, entender o que a marca produz, qual a sua matéria-prima e pesquisar suas possibilidades de uso.

Como todos os participantes são estudantes, não podemos esperar um domínio de estilo ou mesmo técnico. Mario Queiroz atenta também ao fato que ele é orientador, muitos dos acertos e erros são necessários para o próprio aprimoramento dos alunos. A coleção é de inteira responsabilidade deles, mesmo que às vezes, ele com sua experiência possa pensar em intervir aqui ou acolá, ele não faz de maneira incisiva.

O pessoal da Uniasselvi partiu de uma premissa muito clara, a da investigação, recebeu o apoio da marca que se envolveu em todo o processo, e fez uma coleção nos moldes experimentais da mostra. Não interessa a roupa como produto em si, e sim como ela pode exemplificar o que foi pesquisado e feito em 9 meses de trabalho.

Então, é muito interessante ver a trama de malha e fios que dão forma ao vestido ou como a franja de malhas é usada no casaco

mare1.jpgmare2.jpg

Ou ainda, no movimento que a malha ganha recortada em forma de escamas:

mare3.jpgmare4.jpg

Ora o minucioso trabalho artesanal serve de forro, ora o efeito da flocagem ganha o foco central:

mare5.jpgmare6.jpg

E chega no ápice no look final com as 2 mil pétalas de malhas queimadas uma a uma, fechando a coleção com um pé no étnico, outro no conceitual.

mare7.jpgmare8.jpg

Ao final, Pogo pulava junto com os funcionários da Maré Cheia que foram ver o resultado do trabalho que mereceu todos os aplausos do final.

(A coleção da Maré Cheia foi desenvolvida por Anke Manuele Piske, Fernanda Marangoni, Joana Frainer da Uniasselvi)

Anúncios

6 Comentários

  1. doida pra te ouvir contando tudo! =)

  2. Muito legal essa iniciativa para novíssimos talentos!

  3. nome das alunas:
    Anke M. Piske
    Fernanda MArangoni
    Joana Frainer

  4. […] preferido do OSCAR 2008?SCMC 1: Prévia dos desfilesTom Ford aparece (de novo) nu em revistaSCMC 5 :: Maré Cheia indica ótimo caminho para o eventoChega nas bancas a revista gay JuniorSCMC 4 :: Glam-rock descamba para Funk na Dublack Balanço Moda […]

  5. Parabénsssss Anke querida e suas amigas tbm…Muito sucessoooo…

    Bjaum

  6. Parabéns meminas, estava td mto lindo e um parabéns em especial para minha grande amiga Anke. Sucesso sempre!!!


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s