Adriana Degreas faz desfile no apê de Raquel Silveira

Eu pensei muito se ia escrever ou não este post. Vamos ao momento confissão. Tudo bem, por profissão recebo convites para um monte de acontecimentos de moda. Eu olho tudo e não é preguiça, mas não dá para ir em vários. Mas tem um momento antes do sim (a maioria tem RSVP, claro!) que sempre quero dizer não. Fico pensando o que vou fazer lá, se vale a pena, quem vou encontrar. E aí, tem aquela gentileza fashion, tem o lado dos contatos, que sempre fui muito ruim nisso.

Então… chegou o convite do desfile da Adriana Degreas no apê tipo luxo da Raquel Silveira, empresária e mulher do Paulo Ricardo. Isso sempre me deixa meio encabulado. Acho tudo muito pessoal, entrar na casa de quem não se conhece.

Denise Dahdah já fez sua leitura da moda cowboy!

A Denise Dahdah me conveceu a ir. Claro que depois dá tudo certo. É sempre bom encontrar a maioria das pessoas que a gente só encontra neste tipo de evento. Como as queridíssimas Doris Bicudo e sua filha Babu. Ah! E por falar em Babu ela disse que daqui há pouco eles vão soltar a programação do Pense Moda. Vai ser em agosto, por causa das datas do Shopping Iguatemi. O convidado deste ano é um estilista inglês bem bafo. Mas ela não quiz dizer quem é, claro.

Da série feita com chocolate do Vik Muniz

O que me impressionou na casa, as usual, as obras de arte: Vik Muniz, Tunga, Ernesto Neto. 3 artistas com cotação bem alta no mercado, garanto. A “primeira fila” eram os sofás e cadeiras dispostas pelos vários ambientes.

Alguém nem percebeu a obra do Tunga e deixou o look book largado

Várias tops participaram do desfile como Marcelle Bittar, Carol Ribeiro, Isabella Fiorentino, Eliza Joenck, Flavia Luccini. Como disse a Denise, elas são corajosas de desfilar com roupa de praia tão perto da gente e sem nenhuma luz especial. Sim, muitas tem celulite. Isso não me incomoda, sabia?

Degreas faz aquela linha iate, sabe como? Muito brilho nos maiôs e biquinis, incluso um todo de cristais, estampa de onça e cobra. Eu penso que quando ela desfilava no Amni Hot Spot era mais ousada, agora, que que seu filão são mulheres ricas da Europa e Estados Unidos, além das brasileiras que compram na Daslu, tudo ficou com aquele ar meio Versace e Gucci de balneário. Sem problemas, se tem quem compre, feliz dela, não é mesmo?

Legal mesmo, foi ouvir minha querida Anna Gelinskas cantando ao vivo músicas da Amy Winehouse, como trilha do desfile. E antes de sair, uma amiga minha ganhou cantada soft do Paulo Ricardo. Tá ótimo, não?

Minha diva Anna Gelinkas

2 Comentários

  1. Beeeeeeege com o ap de Dona Raquel…
    Ela é fina, não?
    Mas, enfim, a Adriana era melhor mesmo no Amni Hot Spot… tá tão refinada que dá até medo!

    Ricardo, pegou sua t-shirt???rs!

  2. lindo o seu blog. Sua colocação nesse caso é bem bacana.
    Adoro moda, mas nunca assisti nenhum desfile, realmente deve ser o máximo…


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s