FASHION RIO :: Já ouviu falar em siting???

A moda tupiniquim é cheio de termos assim: stylist, backstage, e agora mapeamento é siting. As assessorias de imprensa tem um monte de veículos de imprensa, convidados das marcas, patrocinadores para sentar nos desfiles.

É coisa de doido mesmo. Mas aqui no Rio é sempre uma operação mais complicada, porque além da imprensa carioca que eles estão acostumados a lidar, produtores e assistentes de produtores globais, tem a imprensa nacional e internacional.

E dá-lhe saias justas. Milene Chaves, editora do Chic, recebeu uma fila C e comentou comigo: “Ai, que bunitinho, né? Carol Vasone já recebeu até fila F. Eu ganhei várias filas C, mas não sentei por lá, não. Muito porque as assessorias paulistanas como Alice Ferraz, Cartaz e Press Pass não deixaram.

Hoje, num determinado desfile de uma determinada assessoria que tem o nome que é sinônimo de bomba, motivo de piada entre vários jornalistas de São Paulo, não teve jeito. A Marininha Franco, que é 10 vezes mais chique do que eu, depois que eu reclamei, percebendo a situação se ofereceu para trocar de lugar. não aceitei e pedi desculpas, porque comecei a ver quem estava na Fila A e gente que estava na B, sendo remanejado porque era próximo da assessoria, aí perdi a paciência.

Me levantei, fui para embora, vi alguém que queria muito entrar no desfile e dei meu convite para ela. Que ficou feliz da vida e eu fui num lounge ver tranquilamente o desfile. Foi muito melhor assim. Mas nos bastidores, claro fiz a reclamação. E não é que a estilista já tinha ouvido a mesma história, umas 4 vezes…..

4 Comentários

  1. eita! =)

  2. Pois é, faz sentido, eu sou fluente em ingles e acredito que querer substituir toda palavra do portugues para o ingles, vai acabar deixando o “ brasil burro “, analfabeto pela admiração gigante por ingles, e devidos americanos com seus métodos de ensino e costumes. Temos que fazer com que “ eles “ saibam da existencia do nosso pais, dos nossos costumes, da nossa inteligencia e cultura. Afinal o brasil não é primordial e nossos turistas não vão voltar pra casa com um mico de presente e uma experiencia South Africa, como pensam.

  3. Quando eu estava na faculdade de moda, eu trabalhei no SPFW, como “esquenta cadeira” … rs , eu e mais umas 80 meninas, guardavamos as cadeiras da primeira e segunda fila, aguardadando os convidados, e guardadando o lugar para eles, quando eles chegavam a gente levantava. Foi em 2003, hoje em dia eu frequento o SPFW como convidada, mas não sei mais se isso existe, nunca mais reparei.
    Mas essa história me fez lembrar desses tempos de “esquenta cadeira”. Pelo menos os convidados sentavam nas cadeiras certas.

  4. Pq quando a gente é chique, a gente é chique até na hora de perder a paciência. Adoro!


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s