CFW: Balanço do último dia

Sabadão e a chuva chegou finalmente por aqui e deu um alívio para todos. Três celebridades passaram por aqui, Luana Piovani, Malvino Salvador e Dudu Azevedo. Mas ainda bem que foi a moda que saiu ganhando com dois pontos altos: Akihito Hira Júnior e a marca goiana Anunciação, que merecem posts específicos para cada um.

Celebridades ou Personalidades???

Claro que a gente vive num mundinho bem menor que nosso ego imagina. Para o grande público, se não for Gisele, modelos são meio parecidas, ninguém sabe quem é. Para os fashionistas, além de saber o nome, conhece o tipo de andar e estas coisas que não vão mudar o mundo, mas que no fim das contas fazem parte de nosso meio.

Por aqui passaram batido pelo público a incrível Bruna Sottili, Marcelle Bittar, Mariana Bittencourt, Marcelo Boldrini, Suyane, Gabriel Grandi. Em compensação não faltaram momentos de muitos gritos e flashes para os famosos que foram convidados para dar um up grade clipping do evento.

Dudu Azevedo para Doc Dog (lenço palestino vira estampa..affe!)

De vez em quando tenho uma dificuldade em reconhecer as tais celebridades. Quando o Dudu Azevedo entrou na passarela da Doc Dog não sabia quem era. Mas as meninas atrás de mim, sim. Ele fez uma novela das oito (sou da época que a novela que passava depois do JN, era realmente às 20h), que não consigo lembrar o nome, que se passava na favela da Portelinha. Era filho da Marília Pera.

Malvino muito vestido para Biruta (sei não, mas já vi aquele logo em outro lugar)

Malvino Salvador é onipresente em desfiles pelo Brasil afora e deve estar com a conta bancária bem cheia de tanto bancar o modelo. Tá certo, ele. Para decepção das colegas atrás de mim, ele entrou sempre de calça jeans e camiseta. Sem camisa, deve ser muito mais caro (rs)…Malvino fez o que todos os outros galãs fizeram: gracinhas e beijinhos para platéia e tava de bom tamanho.

Luana Piovani para Lança Perfume (LP para LP, sacou?)

Agora, a Luana Piovani entrou e ninguém tirou foto, gritou. Hummmm, popularidade zero pela Capital Federal. O pior não é isso. Querendo fazer uma brincadeira com o andar típico das modelos, foi constrangedor. Seu fake catwalk não tinha o mínimo de humor e foi na linha vergonha-alheia. O pessoal do Finíssimo disse que ela estava super simpática e acessível na entrevista.

No aeroporto hoje, comprei a Folha de São Paulo e comecei a ler a Serafina (a edição está bem bacana, viu Alcino!) e o Sergio Rizzo num comentário sobre o Tom Jobim, diz uma coisa que é bem verdade: ele é do tempo que se entrevistavam personalidades e não celebridades. Ótima síntese, não?

A última leva dos Novos talentos do CFW

Falei com o Jum Nakao que a ordem dos desfiles dos novos talentos estava errada. Começar com algo mais forte, como a coleção do Akihito acaba ofuscando os outros dois. Eu prefiro ir num crescendo, pois assim a memória trabalha melhor depois.

Confesso que para minha surpresa, o estilista Sann Thiago Marcuccy já teve suas peças comercializadas até na França, onde já expôs no salão prêt-à-porter e no Festival de Cinema de Cannes. Bege com a informação. Achei a coleção fraca com um sexy equivocado. Acho que meu olhar para moda feminina anda meio ruim, então.

Escrevo isso, porque também aconteceu isso na coleção da Clarice Garcia, que além de estilista é professora do curso de moda da IESB. Ela apresentou uma coleção mista, mesmo que com pouquissímos looks masculinos, mas foram exatamente estes que me chamaram atenção.

A coleção feminina não é ruim, arquiteta de formação, Clarice apresentou uma coleção equilibrada, mas tem algumas peças com complicações demais, recortes demais. Já seu masculino tem um equilíbrio maior, mais simples e ainda assim com um efeito muito bom. Os recortes aqui, o uso de debruns e a simplicidade aliada a um bom shape do último look desfilado pelo veterano Marcelo Boldrini bateram de longe os looks femininos.

Coloco por aqui dois looks e vocês decidem, ok?

Muitos desfiles, poucos destaques

Mesmo que a organização do evento considere Novos Talentos como um único desfile, considero como três. Somado aos outros 7, são ao todo 10 desfiles. ou seja, é um número meio absurdo para um dia.

Uma semana de moda é boa pelo que apresenta e não pela quantidade de desfiles que tem. Muita gente pode alegar que existem mais de 100 marcas que desfilam em Paris, por exemplo. E o que todos fazem? Se organizam para ver o que interessa. É o que vai acontecer aqui no Brasil.

Em Brasília vi apenas as marcas locais. Outras já tinha visto no Fashion Rio, SPFW, Santa Catarina e Espírito Santo. Achei interessante a ABEST trazer marcas de seus associados para Brasília. Perguntamos para a Claudia Pereira, assessora de imprensa, da Associação Brasileira de Estilistas, como foi a seleção das marcas para o CFW: “Mandamos um email para os associados quem gostaria de desfilar em Brasília. Claro que quem veio tem alguma relação comercial por aqui ou tem interesse em entrar neste mercado. A aceitação foi muito boa.

Bruna Sotilli e seu andar e postura muito chiques

Além disso bancaram alguns modelos para completar o casting local. Foi por isso que tivemos o prazer de ver o andar de Bruna Sotilli por aqui. Ela tem 17 anos, é muito alta e classuda, além de ser muito educada. Conheci ela mais de perto na quinta, quando saímos todos juntos.

Na moda apresentada por aqui, nenhuma novidade maior. Parece que os anos 70 é definitivamente a década do verão 2009. Então, vista seu vestidão florido, sua rateirinha e aproveite nossa melhor estação.

2 Comentários

  1. Ricardo, sobre os novos talentos.
    Você só não disse que o Jum Nakao, estilista internacional do evento, lhe respondeu que a sua concepção dos talentos estava erradíssima. Todo mundo é livre de dizer o que quer, né? Só alto falta de profissionalismo você tentar inferir que o Jum Nakao concordou com a sua opinião. E eu, realemente, prefiro a opinião dele.
    Um abraço, boa sorte na carreira de blogueiro!

  2. Caro Bruce
    Em nenhum momento disse que o Jum concordou comigo. Dei minha opinião para ele, como amigo e profissional de moda ou “blogueiro” como vc escreveu num tom de desdem. Mas cada um tem direito a sua opinião, correto?


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s