CFW: Anunciação apresenta estampa de Catalina Estrada

A Anunciação é uma marca de Goiania e tem uma loja bem simpática nos Jardins em São Paulo, projetada pelo Gringo Cardia e projeto de iluminação do Maneco Quinderé. Geralmente eu pularia o desfile, mais porque é moda feminina, mas a Mariza Soares de Macedo falou para assistir que valia a pena. Sim, é uma marca bem conhecida por muita gente e eu mesmo estou no mailing deles.

A estilista Maria Elvira Crossara estudou na Escola Italiana de Moda e Design em Florença. Tem a marca desde 2002 e com o apoio da ABIT já se apresentou em feiras de moda na Alemanha, Espanha e Japão.

O que chamou atenção foram as estampas incríveis da coleção. O Jum Nakao deu a ficha, é de uma artista colombiana super hypada, Catalina Estrada. Uma googada depois, descobri que a moça é mesmo um dos grandes nomes do momento.

Ela estampa para ninguém mais ninguém menos que Paul Smith! Mas não fica somente no mestre inglês da cor, ela tem como sua vasta lista de clientes: Coca-Cola, Microsoft Zune, Sony Music, Camper, Nike, Levis, Smart/Mercedes Benz, Lexus, Honda, Paolo Coelho, Custo-Barcelona, Lindt, Unicef, Motorola, Chronicle Books, Barcelona’s City Council. Tá bom para você?

Vale a pena ver o site da artista. No portifolio dela estão presentes as estampas que ela criou para a Anunciação, lado a lado dos outros grandes clientes dela.

Conversando ainda mais com Jum (foi muito bom encontrá-lo novamente todo dia, coisa que não acontecia desde os tempos do seu último desfile das roupas de papel, no qual trabalhei também), falamos que seria uma ótima idéia que a indústria textil fizesse este tipo de parceria no Brasil:

“Temos excelentes designers gráficos no Brasil e a indústria têxtil deveria firmar uma parceria com eles para desenvolver coleções de tecidos mais avançados em termos estéticos”.

Anúncios

2 Comentários

  1. pode por aí na sua conta que vc vendeu um vestido pra mim. que eu passo lá todo-dia olhando pra dentro, pensando quando eu vou entrar. e por conta do seu post vai ser amanhã, amigo.

    ((só um parêntese: as estampas são de morrer de beleza e de caras, tudo lá custa one billion dollars.))

  2. Na na ni na não! Quando a coisa é muito, mas moooiiiittto cara, faça como eu. Não compre, por que isso pode representar algo que vc queira muito mais. Pese e analise o que vc poderia fazer com o dinheiro gasto com um vestido. Faça uma lista destas coisas, leia e leia e leia. Uma hora vc se convence que não precisa de mais um vestido no guarda-roupa. Leu meu post sobre o Jum Nakao? Então, vc vai poder ter Huis Clos, Herchcovitch e tantos muitos outros a preço de sua amada costureira… Pense nisso antes de passar lá na loja.


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s