Novos Criadores de Vitória: destaques do segundo dia

Brinquei no backstage que o segundo dia era dedicado ao vestidão e maxi comprimentos. A pegada foi mais comercial, com gente já estabelecida no mercado como o Humberto Guaracy, que já desfilou na Casa dos Criadores em São Paulo; Nina Person que apresentou sua coleção de inverno 2009; o talento de Lamartine Neto. Já as meninas Flávia Manhone e Ludmyla Araújo conquistaram vários jornalistas presentes e por um triz não foram as ganhadoras do concurso.

Humberto Guaracy se formouna Santa Marcelina e foi assistente do Walter Rodrigues, onde herdou o gosto pela moda festa. Já se apresentou no Projeto Lab da Casa de Criadores e depois fez parte do line up principal. Ele apresentou looks em total black ou total white, sendo que alguns já tinha visto nas apresentações paulistanas, em especial o de plumas.

Ele tem ao seu favor um acabamento impecável e efeitos esvoaçantes como convém a este tipo de moda. Diferente da coleção muito longa apresentada em 2006, ver as escolhas mais enxutas, o trabalho dele ficou muito mais claro e objetivo.

A Nina Person é profissional mesmo, ao escolher apresentar sua coleção de inverno, já que a temporada de lançamentos de verão já acabou e todo mundo já está preparado para a próxima estação. E o Claro Rio Summer, pode perguntar o leitor mais atento. Mas como falei anteriormente, o evento do Nizan Guanaes tem foco no mercado externo, e deve ser considerado como uma cruiser collection.

A coleção da Person tem um jeito romântico, meio retrô, mais próximo até da “escola mineira de moda”. Vestidos curtos numa cartela de cores suaves com rosa, beges e lilases. Os babados e pregas ainda aparecem no inverno dela, com alguns detalhes em xadrezes e malha casa de abelha. Ela mostra um bom domínio de modelagem e uso da malha, com coleção comercial bem amarrada. Para se ter uma idéia, nas cadeiras, já estava o catálogo dela pronto.

Já Flávia Manhone e Ludmyla Araújo apresentaram uma coleção de vestidos amplos bem cavados a la Osklen. Elas misturam conceitos de modelagem de alta-costura com tecidos e acabamentos mais rústicos. Elas se inspiraram na Revolução Farroupilha e especialmente na figura de Anita Garibaldi para amarrar a coleção.

Elas ficaram em segundo lugar na votação feita entre os jornalistas presentes, o stylist Thiago Ferraz e André Hidalgo. De acordo com o release sua roupa é destinada a classe média e classe média alta (!). Isso de alguma forma me fez pensar nas “estilistas descoladas” como Raia de Goya e Cris Barros, que parecem mais ou menos no modelo comercial que elas pretendem atingir. Não é nenhuma crítica, apenas uma constatação. A roupa delas de fato me lembraram um mix de Osklen e Raia de Goya. Vestidões modernos para meninas da mesma classe que elas pertencem.

Engraçado notar, como uma mesma idéia de amplidão é tratada de maneira completamente diferente. Lamartine Neto diz que sua coleção foi criada “a partir da sensação de amplitude de um vôo rasante entre céu e terra”. Então teríamos mais uma série de vestidões.

O que favoreceu a excelente coleção de Lamartine foi ver como ele trabalha uma aparente desprentensão aliada a um acabamento impecável, escolha de tecidos leves sem nenhum falso glamour e uma modelagem muito boa.

Uma idéia bem desenvolvida foram os macacões pantalona com aspecto de vestido. Fresco e fácil. Ele no final veio falar comigo dizendo o quanto era importante para ele estar numa semana de moda. Fui honesto com ele, já que tínhamos feito a votação.

Disse que o perfil dele não era para a Casa de Criadores, mas que ele deveria tentar o Rio Moda Hype do Fernando Molinari e Robert Guimarães. Mas que ele deveria se acalmar na ansiedade de jovem estilista, porque o resultado para as coleções de inverno 2009 já saíram e que ele deveria aguardar a seleção para o verão 2010, que parece estar longe, mas que na verdade já está aí batendo na nossa porta em julho de 2009.

P.S. As fotos foram cedidas pelo João Araújo do Holofotes que fez um álbum especial com todos os desfiles do evento.


2 Comentários

  1. oi Ric,
    (Ficaram bem bacanas as fotos do João, ele é um craque mesmo. )
    Bem pensada sua análise do que foi mostrado nas passarelas dos NOVOS CRIADORES. Apesar das confusões de primeiro evento vc conseguiu separar as criações e releases e fazer seus comments com bastante precisão.
    Valeu a sua vinda.

  2. hei ricardo.
    obrigado pelas dicas…..
    a cobertura ficou demais.!!valew o gongo ,os elogios e as criticas….

    Parabens Ivan !!!!o evento estava lindo e so aconteceu pela sua coragem e dedicaçao.
    acredito que para grupo foi um puta crescimento!!!nao vamos deixar morrer essa idéia!! avanti

    agora e voltar ao trabalho!!
    por que Vitoria continua ilhada!!!!
    hehehhehhehe

    grande beijo


Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s